Assinar
Ambiente

Mata dos Marrazes recupera 6 mil árvores autóctones este sábado

A iniciativa é da empresa PRF, que pretende auxiliar as autoridades no plano de rearborização.

Em 2018 a mata perdeu milhares de árvores devido ao nemátodo-da-madeira-do-pinheiro Foto de arquivo: Joaquim Dâmaso

Amieiras, medronheiros, freixos comuns, carvalho português, salgueiros brancos e castanheiros. Ao todo são 6 mil árvores que a Mata dos Marrazes vai ganhar este sábado, 6 de março, numa ação promovida pela PRF, empresa de Leiria dedicada ao gás, hidrogénio, construção e tecnologia.

A iniciativa pretende contribuir para a reflorestação daquela mancha verde do concelho de Leiria, associando-se a PRF ao projeto “Rearborização – Meter as mãos na Mata”, da União de Freguesias de Marrazes e Barosa, para desenvolvimento do Plano de Gestão Florestal da Mata dos Marrazes.

Devido à doença do nemátodo, a mata sofreu intensos cortes em 2018.

Em comunicado, a PRF justifica a plantação com a consciência do “papel na preservação do meio ambiente”. Originalmente a empresa pretendia envolver todos os colaboradores na ação, mas as restrições relacionadas com a pandemia obrigaram a reformular a ação, pelo que contará apenas com uma presença humana simbólica.

A reflorestação terá lugar pela manhã deste sábado e integra o programa de celebração do 30º aniversário da PRF, que tem sede em Alcogulhe, Leiria.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.