refugiados

Exclusivo

Empresas da região acolhem timorenses que aterraram em Lisboa em busca de emprego, mas ficaram sem teto

Chegaram no final do ano passado para trabalhar. Alguns tiveram emprego durante algum tempo, mas ficaram sem teto. Quase um ano depois, encontraram lugar na região. E fazem o balanço da experiência

Pergunta da semana

As autarquias e concessionários devem antecipar o dispositivo de vigilância balnear?
Responder agora

Subscreva!

Newsletters RL

Saber mais

Ao subscrever está a indicar que leu e compreendeu a nossa Política de Privacidade e Termos de uso.