São mais 29 novos casos de Covid-19 confirmados na região nas últimas 24 horas e apenas sete recuperações, o que eleva o total de casos ativos para 244.

Este é o número mais elevado desde junho, quando se verificou um surto num lar em Aljubarrota para encontrar tantos casos positivos num só dia na região.

Ourém é o concelho com a maior subida, com mais 10 casos positivos, o que aumenta também o número de pessoas em vigilância no concelho.

Pombal com seis casos e Leiria com cinco mantêm, hoje, quinta-feira, a tendência de crescimento registada nos últimos dias.

Desde o início da pandemia, em março passado, Leiria é o concelho da região (distrito de Leiria e concelho de Ourém) com mais casos confirmados, tendo 282 casos, dos quais 214 doentes já recuperaram (um nas últimas 24 horas).

Peniche (três), Porto de Mós (dois), Batalha (um), Marinha Grande (um) e Alcobaça (um) são os restantes concelhos com mais casos confirmados pelas autoridades de saúde, desde ontem.

As recuperações verificadas desde quarta-feira são sete. Além da recuperação em Leiria, Alcobaça têm mais três pessoas recuperadas e Porto de Mós, Pombal e Caldas da Rainha mais uma cada.

Desde março, 1.337 pessoas testaram positivo para a infeção pelo novo coronavírus na região. Destas, 1.049 já recuperaram e confirmaram-se 44 óbitos associados à Covid-19. Há 244 doentes ativos.

Fonte: Comissão Distrital de Proteção Civil de Leiria, CimOeste, Cim Médio Tejo e municípios

Portugal regista 691 novos casos de infeção

Portugal regista hoje mais três óbitos por covid-19, em relação a quarta-feira, e mais 691 casos de infeção confirmados, segundo os dados da Direção-Geral da Saúde (DGS) divulgados há minutos.

De acordo com o boletim epidemiológico diário, o total de óbitos por covid-19 desde o início da pandemia é agora de 1.931 e o total de casos confirmados é de 71.156 infetados.

O número de doentes dados como recuperados também registou um aumento, havendo hoje mais 386 pessoas recuperadas, registando-se agora um total de 46.676 casos nessa situação.

A DGS regista ainda mais 17 internamentos nas últimas 24 horas, passando para 588 o total de pessoas internadas, enquanto o número de doentes em unidades de cuidados intensivos é neste momento de 85 (mais oito). Estes valores estão a preocupar as autoridades pois têm aumentado diariamente com valores superiores a uma dezena

Os três óbitos registados ocorreram nas regiões Lisboa e Vale do Tejo (dois) e Centro(um).

Lisboa e Vale do Tejo permanece como a região onde se regista o maior número de novos casos com 321 novos casos confirmados nas últimas 24 horas, seguida da região Norte com 267 novos casos.