Assinar
Música

mARCIANO levanta o véu do segundo disco em concerto exclusivo no Teatro Miguel Franco

O espetáculo de mARCIANO acontece no próximo dia 25 e está integrado no programa da 26ª edição do festival Acaso.

Marciano Silva revela o primeiro single do segundo disco no Teatro Miguel Franco, com a promessa de outras surpresas num espetáculo integrado no festival Acaso Foto: Álvaro Romão

Cinco anos após o lançamento de mARCIANO, primeiro projeto a solo de Marciano Silva, o músico de Leiria prepara-se para se despedir do primeiro disco, “14.000 Dias entre Terra e Marte”, e levantar o véu do próximo, já batizado: “Missão Amar-te”.

O “ritual de passagem” acontece no Teatro Miguel Franco a 25 de setembro (21h30), integrado na programação da 26ª edição do festival de teatro Acaso.

O artista promete um “espetáculo exclusivo”, com vários elementos em palco, projeção e performance teatral. Uma combinação que vai revelar a “negritude que faz parte do novo trabalho”, antecipa. “Vai ser um bom desafio para mim, porque vou explorar o palco de uma forma pouco habitual, que não voltará a suceder tão cedo”, acrescenta.

Entre mudanças de guarda-roupa e de cenário, Marciano Silva vai apresentar alguns temas já conhecidos, como “Choro cinza”, “O medu”, “Sulidão”, “Cães” e “14.000 Decomposições para Amar-te”.

Neste regresso aos concertos em Leiria, o objetivo é revelar um pouco do segundo trabalho, pelo que o público terá oportunidade de ouvir o tema principal de “Missão Amar-te” – “Bissetriz” -, bem como outras músicas que compõem o novo disco, que será lançado no início de 2022.

Contrariamente à “amálgama sonora” que caracteriza o trabalho de estreia de mARCIANO, este “não vai ser um álbum para gregos e troianos”, avisa. Trata-se, sim, de um trabalho “mais alternativo”, composto por dez temas inspirados em experiências negativas, de tristeza e dor.

Além disso, refere, “Missão Amar-te” pretende ser “mais acessível”, mostrando uma exploração vocal que “dá a entender que só um português podia cantar assim”.

Os bilhetes para o concerto custam 5 euros e estão disponíveis aqui.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.