Assinar


Autárquicas 2021

Movimento Oeste Independentes apresenta lista à Assembleia Municipal de Pombal

O movimento independente é formado por um grupo de cidadãos naturais do oeste do concelho.

Luís Couto é o cabeça de lista do movimento independente que concorrem em Pombal Foto: Oeste Independentes

A descentralização da decisão financeira para as freguesias é uma das prioridades do movimento Oeste Independentes, composto por um grupo de cidadãos da zona oeste do concelho de Pombal, que entrou na corrida à Assembleia Municipal nas próximas eleições autárquicas.

O movimento independente mostra-se seguro na eleição de “pelo menos, dois deputados” e tem como cabeça de lista Luís Couto, de 41 anos, gestor na área da saúde.

Da equipa fazem parte apenas elementos da zona oeste do concelho de Pombal que afirmam, em comunicado, acreditar que “um olhar estratégico” nesta zona pode ter “um impacto muito positivo”.

Entre as propostas do Oeste Independentes estão a extensão da rede de saneamento básico a toda a população do concelho num período máximo de quatro anos e a criação de uma Zona Industrial Guia – Carriço, ao longo da linha do Oeste.

Também a “garantia de uma política igualitária no desporto e na cultura”, a proteção da rede fluvial, a gestão da floresta e o investimento em energias renováveis fazem parte das preocupações desta candidatura.

Além do movimento Oeste Independentes, também concorrem à Assembleia Municipal de Pombal o PSD, com Paulo Mota Pinto, PS com João Coelho, CDS-PP com Liliana Silva, CDU com Jorge Neves, Bloco de Esquerda com Lina Oliveira, Iniciativa Liberal com Ricardo Santos.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.